TÍTULO ORIGINAL: Desperation
AUTOR: Stephen King
GÊNERO: Terror
EDITORA: Suma de Letras
ANO DE LANÇAMENTO: 1996
NÚMERO DE PÁGINAS: 567

SINOPSEUm gato espetado numa placa da Rodovia 50 - uma das mais solitárias dos Estados Unidos - revela que nem sempre é fácil chegarmos ao nosso destino. O professor Jackson e sua esposa, a família Caver e o escritor Jonh Marinville sabem disso. O trajeto até a cidade de Desespero indica que a viagem será sombria e assustadora. Afinal, ao longo deste insólito caminho existe Collie Entragian, um louco disposto a fazer das suas palavras a própria lei. Quem conseguirá sobreviver? Este é o ponto de partida do novo romance de Stephen King, Desespero.


Olá pessoal! Mais um livro lido do mestre King. Ainda tem muitos aqui na fila...rsrs. Foram longos 11 dias. Digo longos, porque não foi uma história fácil de ler... 

A história inicia com a viagem de férias de Peter e Mary, que estão, após visitarem a irmã de Peter, na Rodovia 50, deserta. De repente, dão de encontro com um policial um tanto quanto estranho e um pouco assustador, que os aborda e encontra, no porta mala do carro, um pacote de drogas. Mas esse pacote havia sido colocado lá pela irmã de Peter, que é viciada. Só que até eles explicarem.... O policial, Collie Entragian, não demorou a levá-los para a delegacia da cidade mais próxima, Desespero.

O casal, que já estava extremamente assustado, entra em pânico quando se depara com uma cidade fantasma. E desta forma, nos são apresentadas as primeiras vítimas de Entragian, que matou a maioria das pessoas em Desespero. Em seguida, vem a família Carver, que estava de férias em um trailer, e que teve todos os pneus furados pelo policial. A última vítima apresentada é Johnny, um escritor nem um pouco modesto. Collie o aborda em sua moto, se dizendo um fã incondicional do escritor. Só que, de alguma maneira, o policial encontra o mesmo pacote de drogas que achou no carro de Peter e Mary, carregado por Johnny. E assim, também o leva para Desespero.

Outro personagem é Steve, que trabalha para Johnny e o seguia em um furgão e Tom, que já havia sido pego por Entragian e estava preso na delegacia. Porém, o personagem principal da história é David Carver, menino de 11 anos, filho de Ralph e Ellen.




A história gira em torno da batalha de bem contra o mal, o bem representado por David e o mal, por Tak, uma entidade que, de qualquer maneira, queria eliminar David, por ser "o maldito menino rezador", que faz tudo o que Deus pede para ele fazer. Eles se enfrentam nesse mundo horrível onde demônios podem se apoderar e destruir pessoas inocentes.

Não foi um livro que me arrebatou. Muito lento, muitas vezes sem sentido, e que me cansou. King como sempre foi muito detalhista em suas descrições, abusou da violência e do terror, mas não me agradou. Não tive boas sensações ao ler essa história. Entretanto, gostei muito de David; que menino apaixonante e determinado!

Quem é fã do autor como eu e quiser tentar ler essa história, por favor faça e me conte se gostou. Tem o email do blog nos contatos e poderemos discutir sobre ele.

Beijos e até a próxima!!!!


10 Comentários

  1. Não parece ser o melhor King. Ainda mais com 567 páginas.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não achei dos melhores mesmo....
      Porque postou como anonimo??? Quem é??

      Excluir
  2. Olá Rê!!!
    Eu gosto bastante desse livro do King, mas concordo com você que ele não traz bons sentimentos, é uma leitura angustiante e um pouco arrastada. Mas como gosto bastante de um terror achei super legal

    Beijinho

    EVENTUAL OBRA DE FICÇÃO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ro,

      Me senti como cometendo sacrilégio ao escrever essa resenha... rsrsrs.... mas foi o que achei e senti.... Mas também, se acharmos tudo perfeito nele, não tem graça né?
      bjs

      Excluir
  3. Confesso que tenho medo das leituras de King rsrs

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Sou dividida entre a curiosidade para conhecer o trabalho de Stephen e acreditar que eu não teria paciência hahaha
    O fato de ele ser super descritivo e o livro ficar lento por causa disso me desanima profundamente. Tem alguma indicação dele para quem nunca leu nenhuma de suas obras?
    Beijos,
    http://ofantasmaliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carolina,
      acredito que Joyland seria uma boa obra para você iniciar com King. Tem resenha recente aqui no blog....
      bjs

      Excluir
  5. Oi Renata,
    Cheguei a conclusão de Stephen King não é para mim!
    Já adiei tanto a leitura dos livros dele, mais tanto que você nem tem noção... Porém, eu cansei. Vou assumir logo que não vou ler, porque nunca sinto uma vontade que me faça comprar algo dele, sabe? Uma pena, eu sei, mas é verdade :(
    Beijos
    https://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena Ale!!! Mas não tem jeito, quando não nos simpatizamos com certo gênero, é difícil começar!!!! Te entendo!
      bjs

      Excluir

Deixe seu comentário se gostou da postagem. Se não gostou, também pode deixar...