Hoje é um daqueles dias em que eu estou sentindo vontade de escrever. Sobre o quê? Muitas coisas. Tantas, que as palavras não saem, estão todas congestionadas na ponta da caneta. Eu tinha todo o texto na minha cabeça e, agora que estou com a caneta na mão, nada sai. Alguém sabe me dizer por que isso acontece?

Esse tipo de situação é uma constante, assim como quando quero dizer muitas coisas a alguém e na hora do cara a cara, aquele discurso ensaiado mentalmente é bloqueado, e não sai uma palavra.

Só que a cabeça continua a mil por hora, o que não deixa você trabalhar direito, tira sua concentração e as palavras não ditas ficam te incomodando.

Já fui melhor nesse quesito. Escrevia muito, fazia diário, expunha sentimentos, mas o tempo foi passando e parece que tudo foi ficando mais difícil. Engraçado... deveria ser o contrário: exteriorizar tem sido bem complicado e me sinto, aos 38 anos, muito boba por isso.

Enfim, nesse texto, não escrevi o que realmente estava nos meus pensamentos.

4 Comentários

  1. Ah nossa mente, é mesmo uma incógnita.
    É difícil organizar os pensamentos e sentimentos, amei o texto e espero ler mais posts nesse estilo.
    Art of life and books,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAhhh, obrigada! Vou procurar escrever mais...
      bjs

      Excluir
  2. Olá!
    Adorei seu texto. Nossa mente é bem confusa e complicada. Já quis escrever muitas vezes sobre várias coisas, mas não saia, sabe?
    Adorei seu blog.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruna, obrigada! Não me acho uma boa pessoa para me expressar... e é bom saber que alguém gostou!
      bjs

      Excluir

Deixe seu comentário se gostou da postagem. Se não gostou, também pode deixar...