ÚLTIMAS RESENHAS

Armadilhas da Mente - Augusto Cury

23.6.16

TÍTULO ORIGINAL: Armadilhas da Mente
AUTOR: Augusto Cury
GÊNERO: Ficção
EDITORA: Arqueiro
ANO DE LANÇAMENTO: 2013
NÚMERO DE PÁGINAS: 256

SINOPSE: Camille é uma mulher bela, rica e brilhante, capaz de deixar as pessoas impressionadas com sua habilidade de debater e argumentar. Mas seus diplomas e seu intelecto não foram suficientes para evitar que se tornasse vítima de suas próprias emoções.
Casada com o banqueiro Marco Túlio, Camille sempre foi fechada e seu próprio mundo. Crítica, obsessiva, pessimista, não gostava de ser confrontada e não se curvava diante de ninguém, nem de psiquiatras ou psicólogos. Não concluía nenhum tratamento.
Vendo a depressão, as manias e as fobias de sua esposa se agravarem, Marco Túlio resolve comprar uma linda fazenda para que ela possa se afastar do estresse da cidade, respirar ar puro, se reconectar com a natureza e, quem sabe, com ela mesma.
Mesmo assim, transtornos mentais a impedem de sair de casa e pesadelos constantes não a deixam dormir. Enclausurada em sua própria mente, Camille piora a olho vistos.
A reviravolta, porém, muitas vezes começa onde menos se espera. Quando conhece o excêntrico jardineiro da fazenda, Camille se surpreende com sua inteligência e, ao interagir com ele, a alegria volta pouco a pouco ao seu coração.
Em seguida entra na sua vida o sábio e instigante psiquiatra Marco Polo, que a estimula a superar os conflitos e procurar um personagem que deixara pelo caminho: ela mesma. Camille terá que aprender a se perdoar e a compreender pessoas "imperdoáveis".


Oi pessoal! Hoje venho com um livro diferente de tudo o que eu já li. Primeiro do autor, pois nunca tive muita curiosidade de ler seus livros por serem a maioria de auto-ajuda e eu não tenho muita paciência... rsrs

Trechos lindos do livro:

"... para proteger a emoção, doe-se sem medo, doe-se sem precondições, ma diminua o máximo possível a expectativa do retorno. Não busque reconhecimento, ainda que ele seja legítimo. O íntimos ão aqueles que mais nos frustarão."

"Esperar que esteja tudo certo na vida, esperar resolver todos os meus problemas para ser feliz é um paradoxo inaceitável. Vou morrer infeliz"

"... vou ser feliz com os problemas que tenho, nas dificuldades em que me encontro, com as pessoas complicadas com quem convivo, com meu conflitos."

"Pai, o tempo é cruel,
Se você corre, ele o alcança.
Se você se esconde, ele sempre o encontra.
Se você se maquia, ele invade os tecidos.
Se você trabalha muito, ele o extermina mais cedo.
O tempo zomba da juventude.
Faz, da meninice à velhice, instantes.
A única forma de trair o tempo é amar e perdoar.
Amando, transformamos cada minuto em eternidade.
Perdoando, devolvemos à vida a suavidade."



Muito aprendizados com essa história. Percebi que tenho tantos fantasmas quanto Camille e me faço prisioneira deles. O livro é bem teórico, mas a história é muito envolvente e verdadeira. A história praticamente toda se mantém em torno do tratamento dela com Marco Polo, de onde vêm todos os esclarecimentos sobre o caso de Camille e as soluções para que ela se cure. Ela tem uma evolução incrível!

E que final! Marco Túlio pisa na bola feio com Camille que tem uma reação inesperada e então você pensa que toda sua evolução no tratamento com Marco Polo foi por água abaixo. Mas seu marido enfim reconhece seu erro. 

Eu achei o máximo mas esse tipo de livro não é qualquer um que consegue terminar. Para quem não gosta de psicologia, não recomendo. Mas para quem adora entender os mistérios da mente humana, é garantia de se apaixonar. 

Beijos e até o próximo post!

Um comentário:

Deixe seu comentário se gostou da postagem. Se não gostou, também pode deixar...

 
FREE BLOGGER TEMPLATE BY DESIGNER BLOGS